Marco500  
Quem Somos--- Designers--- Eventos--- Contato
Marcos de Sertania

Oriundo de uma família de agricultores e artesãos decide mudar a tradição de seus familiares que produziam utensílios domésticos e pequenas esculturas de boi, e passou a retratar a aflição provocada pela seca, ao extrair da madeira figuras esqueléticas carregadas de dramaticidade e melancolia. O cachorro esculpido em madeira, uma de suas obras mais emblemáticas, nos remete à Baleia, a cadela de Vidas Secas de Graciliano Ramos. “... A cachorra Baleia estava para morrer. Tinha emagrecido, o pêlo caíra-lhe em vários pontos, as costelas avultavam num fundo róseo...” (Ramos, Graciliano. Vidas Secas, 82ª edição. Rio de Janeiro: Record. 2001). “Criei um estilo mais próprio, emagreci os personagens para dar mais sofrimento. Vivi tudo isso ai que coloco no meu trabalho. Já sofri com a seca, já ajudei minha mãe a carregar água na cabeça, meu pai era vaqueiro, já vi o gado morrer de fome”. Conta Marcos Paulo, que hoje sustenta a família com o seu talento e criatividade.




  • Marco500 Design
  • Marco500 Design
  • Marco500 Design
  • Marco500 Design
  • Marco500 Design